O seu filho finalmente nasceu e você se depara com a difícil missão de educá-lo da melhor forma possível. Com a correria do dia a dia, essa tarefa torna-se ainda mais difícil. Mães em todo o mundo estão cheias de dúvidas sobre as melhores opções.  

Neste contexto, o inglês é uma excelente alternativa de estudo, pois se trata de uma língua de comunicação internacional importantíssima para a vida pessoal e profissional de uma pessoa.

Neste post você vai descobrir qual a melhor idade para o seu filho aprender outra língua.

Melhor idade para aprender inglês

Já aos dois anos de idade a criança aprende, com o apoio de um adulto, uma infinidade de ações que utilizará pelo resto de sua vida. O cérebro está livre e preparado para absorver incontáveis conceitos, de forma rápida, sendo este o melhor momento para introduzir um segundo idioma na educação do seu filho.

Cedo demais para aprender?

Algumas mães ficam realmente indecisas e não sabem se devem ou não colocar seus filhos em uma escola bilíngue. Algumas pessoas acreditam que essa atividade pode sobrecarregar a criança. No entanto, o que se percebe é justamente o contrário. Nessa idade, a mente da criança é considerada uma “esponja”, capaz de absorver uma infinidade de informações.

Desenvolvendo habilidades

Cada criança é única e possui habilidades, limites e ritmos diferentes. É esperada uma receita de bolo que ensine como transformar o seu filho no mais novo Einstein; no entanto, todas as habilidades precisam ser trabalhadas e adaptadas às individualidades de cada criança.

Uma instituição de ensino bilíngue de qualidade consegue compreender essa criança, respeitando o seu tempo e suas dificuldades para desenvolver uma técnica pedagógica única e eficiente.

Brincar e aprender

Nos primeiros anos de vida o ensino do inglês é mais eficiente quando realizado de forma lúdica, ou seja, através de brincadeiras, jogos e músicas. Desta forma, o inglês é introduzido naturalmente no cotidiano da criança. O clima de descontração faz com que o conteúdo estudado seja fixado com eficiência. Longas e entediantes jornadas de aulas e exercícios fazem com que a criança assuma uma resistência natural ao estudo, pois ela irá relacionar o inglês a algo desagradável.

Instituição de ensino

Uma instituição de ensino bilíngue de qualidade deve criar um ambiente favorável para a socialização, aprendizado e o desenvolvimento do estudante.  Além de uma infraestrutura adequada à necessidade da criança, a instituição deve primar pela qualificação constante de seus profissionais. Educar precisa ser visto como arte, sendo a paixão de sua equipe a mola propulsora que amplia o aprendizado e cria cidadãos para o mundo.